Segundo o secretário de Estado de Turismo, Ricardo Faria, as viagens religiosas têm muita força em Minas Gerais

Governo de Minas cria roteiro para incentivar turismo da fé

Uma rota de agradecimento, fé e muito fôlego. Inspirado no Caminho de Santiago de Compostela, da França à Espanha, o governo do Estado anunciou nessa quarta-feira (9) a criação do Caminho Religioso da Estrada Real (Crer), com o objetivo de fomentar o turismo da fé em Minas Gerais. O percurso de 801 km passa por 38 municípios – sendo 32 em Minas – e liga o Santuário Estadual Nossa Senhora da Piedade, em Caeté, na região metropolitana de Belo Horizonte, ao Santuário Nacional de Aparecida, em São Paulo.

A travessia poderá ser cumprida a pé, de bicicleta, a cavalo e em jipes 4x4. Ao todo, foram investidos R$ 2,4 milhões em quiosques de descanso ao longo do percurso, totens de localização e placas indicativas, que apresentam o mapa geral do caminho.

Segundo o secretário de Estado de Turismo, Ricardo Faria, as viagens religiosas têm muita força em Minas Gerais. “Essa modalidade tem atraído cada vez mais turistas não só em Minas, mas no mundo. É um projeto que gera empregos, renda e a consequente melhoria da qualidade de vida das comunidades ao longo do caminho”, defendeu.

Mesmo quem não for muito religioso poderá aproveitar a experiência. “É uma oportunidade de conhecer nosso Estado, não apenas pela fé, mas também por outras formas, como gastronomia, história e cultura”, destacou Faria.

Somente em 2016, o santuário em Caeté recebeu cerca de 500 mil fiéis, ficando na frente da cidade histórica de Ouro Preto, na região Central do Estado, com média de 400 mil turistas. Dados da Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe) apontaram que mais de 8 milhões das viagens domésticas no Brasil são motivadas pela fé.

Romaria. A inauguração do caminho será feita com uma romaria, no dia 3 de setembro. A caminhada tem previsão de durar 37 dias e será feita em comemoração aos 250 anos de peregrinação ao Santuário Nossa Senhora da Piedade, padroeira de Minas Gerais, e aos 300 anos da aparição da imagem de Nossa Senhora Aparecida, protetora do Brasil.

“É uma oportunidade de refletir. Durante o caminho é chance de conversamos com nós mesmos”, ressaltou o reitor do Santuário de Nossa Senhora da Piedade, padre Fernando César do Nascimento.

Renda. Em 2016, a estimativa é que Minas Gerais tenha arrecadado R$ 17,2 milhões com turismo. De acordo com a Secretaria de Estado de Turismo, a atividade gera cerca de 8% dos empregos formais de Minas.

Percurso passará por ajustes

Outras Notícias

Transportadores encerram greve e postos serão abastecidos neste sábado

A paralisação dos transportadores de combustível, conhecidos como “tanqueiros”, acabou. Após uma reunião com as distr...

Greve dos transportadores já provoca falta de combustíveis na Grande BH

A greve promovida pelos transportadores de combustíveis desde a última quarta-feira já provoca falta de gasolina, álc...

Aos 81 anos, Carlos Alberto de Nóbrega fica noivo da companheira

Cheio de vitalidade e bom humor por aí, o comediante Carlos Alberto de Nóbregaacabou de ficar noivo da médica&nb...

Ônibus de turismo tomba na Rodovia Fernão Dias; Bombeiros confirmam sete mortos

Um ônibus tombou na manhã deste domingo na Rodovia Fernão Dias, altura do km 525, sentido São Paulo, na Serra de Igar...

Polícia registra três ataques contra forças de segurança em um dia na Grande BH

O elo Horizonte e mais duas cidades da Região Metropolitana tiveram registros de ataques contra forças de segurança n...